25/08/2009

127


Akito agora estava sentindo muita raiva e até mesmo desprezo pela colegial. Não conseguia acreditar que ela tinha aceitado ser a namorada do Kyo.

-Bem, no seu caso, posso dizer que é ainda mais surpreendente. Acho que a Hanajima é até mesmo um anjo. Não. É uma verdadeira santa! Porque você, mesmo sendo tão bonita como é, ainda assim, aceitou ser a NAMORADA de um dos possuídos.

-Não sou nenhum anjo e nem santa. Eu sou uma bruxa.

#Mas que garota petulante. Não é a toa que é a namorada daquele monstro.#

-O Kyo não é nenhum monstro.

-E ainda não se acha uma santa? Mesmo sabendo que o “namorado” se transforma em um gato quando é abraçado, ela não o considera um monstro.

-Nenhum dos possuídos é um monstro.

Hatori podia ver o quanto que Akito estava irritada. O patriarca desvia o seu olhar da garota e abre ainda mais o seu falso sorriso.

-Muito obrigado por pensar assim.

Hanajima seguindo o exemplo de Akito também lhe sorri um pouco mais.

#Hehe, quero ver se continuará com esse sorrisinho depois que descobrir sobre a verdadeira forma daquele monstro.#

-Eu já vi a verdadeira forma do Kyo.

-Que?

Akito não queria acreditar que tinha escutado aquilo. Como era possível que aquela garota soubesse da verdadeira forma do gato e mesmo assim continuasse a ser a sua namorada?

-O Kyo me mostrou a sua verdadeira forma nesse final de semana lá nas Termas. O Kyo é apenas um garoto que tem uma maldição, assim como eu tenho. Nós não somos monstros por causa disso.

-AHAHAHAHA

Akito estava rindo histericamente, não podia acreditar que o seu plano havia dado errado. Aquela colegial já sabia de tudo e mesmo assim estava ao lado do possuído. Justamente o ser mais horrendo e desprezível dos possuídos, tinha encontrado uma pessoa que o aceitou.

-AHAHAHAHA.... NÃO POSSO ACREDITAR... AHAHAHA.... AQUELE MONSTRO ENCONTROU ALGUÉM QUE GOSTE DELE.... AHAHAHAHAH.... ISSO É INCRÍVEL....AHAHAH

Hanajima sente que as ondas do médico estavam ficando ainda mais agitadas e um pouco temerosas. Akito para de rir e olha friamente para a garota que estava ao seu lado.

-Já sei. Aquele monstro deve ter lhe ameaçado. Você só ficou com ele por causa do medo, não é?

-Não. O Kyo seria incapaz de fazer isso.

-É uma pena que um romance tão bonito assim tenha que terminar. Eu não permitirei que aquele monstro seja feliz.

-Eu não creio que o seu poder como kamisama seja tão grande assim para decidir quem será feliz e quem não será.

Akito estava completamente atordoada, aquela era a primeira vez que alguém a desafiava.

-Não se iluda garota! Você é incapaz de imaginar até aonde vai o meu poder como kamisama e como patriarca dessa família.

Hanajima sente que as ondas de Hatori estavam agora cheias de tristeza e pena, mas a garota não consegue entender o motivo daquilo.

-Não permitirei que aquele monstro seja feliz. Ele não tem o direito de amar ninguém. Aquela coisa matou a própria mãe. Você acha que um assassino tão frio tem o direito de amar alguém?

Hanajima ao escutar aquilo não consegue conter o seu espanto, deixando visível para o médico e para Akito que ela não tinha conhecimento daquilo.

-Que foi? O seu “namoradinho” não tinha lhe contado isso? Aquele monstro matou a sua própria mãe sim! Será que a tão santa Hanajima conseguirá ficar com ele mesmo sabendo disso?

A garota abaixa a cabeça e começa a pensar no que tinha acabado de escutar.

by DonaKyon

2 comentários:

Sa-chan :) disse...

7x1 para Hana, mas essa 1 da akky foi impactante! uuuia!

vamos hana, reage :)

Knight Beast disse...

bem saki estava dominando a luta durante, mas akito da um golpe que vira o jogo. como será que vai acabar hehehehehehe