13/12/2008

18


Um olhar um pouco mais triste toma conta dos olhos de Hanajima, mas nenhum dos possuídos ou a sua amiga, que estavam presentes naquela recepção o percebem. A garota abaixa a cabeça se afastando um pouco do grupo que estava rindo devido aquele ato feito sem pensar pelo possuído do espírito do coelho enquanto que o Kyo esbracejava, e se encosta em uma das janelas que davam para um belo jardim.

#Eu sempre soube que isso iria acontecer algum dia. Os meus sentimentos por ela nunca seriam retribuídos da mesma maneira…. Mas mesmo assim…. Mesmo assim me sinto um pouco triste…#

Hanajima levanta a cabeça e olha na direção onde o possuído pelo gato estava sentado e que ainda gritava com o coelho no colo da garota.

#Qualquer um que o veja assim irá dizer que ele está com ciúmes da Tohru-chan. Esse é o peso do meu dom, saber o que realmente cada um pensa e sente em relação aos outros. Eu conheço o que de fato cada um realmente é. Eu consigo ver o quanto que os seres humanos são uns monstros, e gostaria que o Kyo visse isso também, que ele percebesse que existem monstros muito piores do que aquele que ele se transforma.#

Tohru ainda estava muito envergonhada e confusa, não sabia se aquilo poderia ser considerado como o seu primeiro beijo ou não, mas como todos estavam rindo ela tentava sorrir também, ainda não conseguia ver que o Momiji era apenas um ano mais novo do que ela, sentia que ele era apenas um menininho e que tinha lhe beijado sem a menor malícia.

-Venha seu coelho safado. Você irá dormir no meu quarto.

Kyo segura o Mojimi pelo pescoço o tirando do colo da garota, enquanto o coelho protestava com choros e agitando as quatros patas nos ares.

-MAASSS EU NÃO QUERO DORMIR COM VOCÊ…. QUEROOOO FICAR COM A TOHRU-CHANNN…..

-Eu não quero nem saber o que você quer. Irá dormir comigo e ponto final.

O garoto passa ao lado da Hanajima com o coelho em sua mão direita mas não a olha, indo direto para o corredor que levava aos quartos.

-GOMENASAIII…. EU NÃO QUERIA CAUSAR TODA ESSA CONFUSÃO…GOMENASAIIII…. EU SOU UMA PÉSSIMA OKAMI….. EU DEVERIA TER IMAGINADO QUE O MOMIJI-KUN IRIA QUERER DOMIR COM A SUA NAMORADINHA….

-NÃOOOO…. EU… EUU…. NÃO SOU A NAMORADA DELE…

Tohru agitava os braços e a cabeça para todos os lados, o que só fazia com que a cena ficasse ainda mais cómica para o Shigure e o Ayame, que agora riam ainda mais. Yuki olhava-os com um olhar tão gelado quanto o seu nome, mas que era ignorado pelos dois.

#Por que será que esses dois se divertem tanto as custas do constrangimento dos outros. Não percebem o quanto que a Honda-chan está envergonhada com a situação? #

-Okami-san, por favor, eu estou um pouco cansado. Poderia me mostrar onde é o meu quarto?

-Claro Claro… O Yuki-kun irá dividir o quarto com o Haru-kun, assim como faziam antigamente, imagino que ainda são grandes amigos.

Yuki sente uma vontade de olhar para o seu lado esquerdo onde estava o Haru mas nem tem tempo, em instante ele sente que o chão estava faltando de baixo dos seus pés e sente que está nos braços do primo como se fosse uma jovem princesa no colo de seu belo samurai.

-O que está fazendo, Haru?

-Ué?! Não disse que estava cansado?

-Sim!

-Então. Vou te levar para o nosso quarto.

Yuki nem tem tempo para lhe responder, e o garoto sai com ele pelos braços atrás da Okami, deixando o som das altas gargalhadas de Shigure e Ayame na recepção da Termas.

-Ahahaha, esse Haru é impagável… ahahahhaha….. Ele consegue deixar qualquer cena muito cómica mesmo…. Ahaahahah…. Onde já se viu sair com o Yuki nos braços daquele jeito?

-Hohohoho… Está sendo um grande sensei, Guretti. Ele até se parece com você quando era mais novo…. Hohohoho

Shigure se aproxima de Ayame e o pega no colo, mas não com a mesma facilidade com que fez o Hatsuharu.

-Eu também irei te levar para o nosso quarto da mesma maneira, cariño.

-Ohhh, mon cherry… Estar em seus braços é como estar nas nuvens… Me leve ao paraíso assim…

-Se prepare para ir e voltar varias vezes essa noite….

As duas garotas se olham enquanto que o escritor desaparece pelo corredor com o primo nos braços.

-Eles são sempre assim Tohru-chan?

-Sim sim.. O senhor Shigure e o senhor Ayame adoram fazer essa brincadeirinha entre eles.

-Sei…. Acho que é melhor levarmos as nossas bagagens para o nosso quarto.

-Sim.

Tohru pega a bagagem e começa a caminhar com a amiga atrás.

-Obrigada Hana-chan. Obrigada por confiar nos Sohmas.

-Se você confia neles, eu sei que posso confiar também.

Tohru se vira ainda caminhando dando um lindo sorriso para a amiga. Aquele era o sorriso que ela conhecia tão bem, um sorriso de agradecimento tão sincero que parecia ser a coisa mais valiosa do mundo.

by DonaKyon

2 comentários:

Sabrina disse...

esse post foi de partir o coração e chorar de rir!!

ta otimo!

xD

(LL)

Knight Beast disse...

a precensa de Ritsu até que seria legal, mas como no manga ele não aparece nessa parte acho que não vai ser diferente...

legal a fic